Make your own free website on Tripod.com

Tony Costa
Regressão

Home

DEUS
Misticismo
GNOSE
Meishu-Sama
Banda Desejo de Mulher
Fraternidade Branca
Assessoria Para Políticos
Viagem Astral
Autoconhecimento
Vidas Passadas
Regressão

O CAMINHO PARA RECUPERAR RECORDAÇÕES

Avançando nas recordações de vidas passadas
Tendo analisado o's modos como algumas recordações são preservadas de uma vida para outra, vamos olhar agora o problema por um outro ângulo; por quais mecanismos pode-se recuperar algumas destas recordações? Como a pessoa pode se lembrar de elementos de suas vidas passadas?
Se há um santuário interno onde as recordações de nosso passado distante se encontram, então este lugar está além de nossa consciência desperta do dia-a-dia.
A vida consciente da maioria das pessoas é limitada à mente falante, às camadas mais superficiais do corpo astral. Lembre-se do caminho seguido pelo Ego depois de morte: tendo perdido a maioria dos remendos do corpo astral, viaja por várias camadas astrais, e então nos mundos Espirituais. Então o Ego volta aos mundos astrais, juntando matéria astral ao seu redor. O núcleo astral que persiste depois de se despedaçar tem um papel chave para determinar que tipo de substância astral é atraída. O corpo astral transformado, até mesmo no começo, pode influenciar ainda mais na estruturação de um corpo astral harmonioso. Infelizmente, na grande maioria dos seres humanos, o corpo astral transformado é muito pouco desenvolvido e por conseguinte, têm uma participação bem negligível. Dessa forma, é o núcleo sólido das samskaras de existências passadas que têm o papel dominante em atrair o material astral de nosso próximo corpo astral. Este núcleo sólido é, realmente, muito pequeno e cercado de várias camadas.
Depois do nascimento, você aprende a usar sua mente gradualmente, o que significa que você experimenta pensamentos e emoções em seu corpo astral. Mas isto acontece principalmente por extímulos externos. As camadas superficiais do corpo astral são modeladas por fora por sua educação e tudo aquilo que você recebe de seus pais e de sua cultura. Nas camadas superficiais do corpo astral, você opera com os elementos recebidos do mundo externo. Isto resulta em uma polaridade no corpo astral, uma tensão entre os impulsos profundos que vêm das impressões trazidas de vidas passadas, e as impressões colecionadas nesta vida. Uma grande parte de suas habilidades mentais, sensibilidade artística, estabilidade emocional e outras qualidades dependem do quão harmoniosamente o matrimônio acontece entre impulsos internos e externos, quer dizer, entre o material que você trouxe com você e o que você acumula nesta vida presente.
A camada superficial, que significa sua mente consciente, é constantemente influenciada por emoções e várias reações que vêm das samskaras mais profundas. Mas nunca se vê estas samskaras, porque a zona de proteção é muito espessa.
Se você quer se lembrar de suas vidas passadas, você precisa mergulhar nas camadas mais profundas da mente inconsciente. Isto requer uma energia que lhe permite penetrar e alcançar as partes do corpo astral perto do núcleo central do Ego as partes nas quais são inscritas recordações de vidas passadas. Esta energia desbravafora é a principal diferença entre regressão e outras técnicas de psicoterapia. Por que a psicanálise não conduz a regressões de vidas passadas? Simplesmente porque aos psicanalistas faltam este tipo de energia. Por que tantos iniciados, Cristãos Gnósticos, Hindus e Budistas se lembram de suas vidas passadas? Porque tendo achado o Ego, eles tiveram acesso à esta energia e ao material inscrito perto do Ego. Por que a regressão é muito mais fácil de alcançar agora nos anos noventa do que no final da década de setenta, e por que está se espalhando depressa? Porque devido a um despertar da consciência coletiva, é muito mais fácil ter acesso à esta energia do que era antes.
O fato de que o estado de regressão vem desta energia explica porque, uma vez familiar com as técnicas de ISIS, você tem que fazer muito pouco para regredir um cliente; a energia faz o trabalho por você. Pela mesma razão, você precisa saber muito pouco para ser um bom conector. O que você precisa é ser capaz de se sintonizar e deixar a força agir através de você. Se você sabe muito, então você tem que esquecer tudo o quê sabe. Toda a informação exigida para administrar uma boa regressão está contida na energia, e se você tentar aplicar o que sabe ao invés do que a energia dita, os resultados serão medíocres e você perderá freqüentemente os assuntos mais importantes.
Também explica porque, depois que você administra várias sessões de ISIS, seus clientes começarão a regredir até mesmo antes que você comece a implementar as técnicas. A energia flui por você como um fluxo vivo, não se preocupa com técnicas.
Quem são os melhore clientes para a regressão? Aqueles que podem se conectar com esta energia, que sejam capazes de se abrir e recebê-la, seja jovem ou velho, saudável ou doente. Não importa se eles acreditam em vidas passadas ou não, contanto que eles possam estar abertos. Alguns dos maiores descrentes provaram serem capazes de se conectarem imediatamente, enquanto algumas pessoas que acreditavam muito em reencarnação tendiam a construir expectativas que bloqueavam o fluxo de energia. Suas idéias pré-concebidas não deixaram nenhum espaço para a energia trabalhar.

natalicio.jpeg

Por que nós não nos lembramos de nossas vidas passadas?

Antes de analisar os mecanismos pelos quais podemos nos lembrar de vidas passadas, vamos ver por que a maioria das pessoas, sob circunstâncias habituais, são impossibilitadas de se lembrar delas.
Primeiramente, as pessoas não são capazes de se lembrar da maioria de seus sonhos. Se isto acontece, como poderíamos esperar que elas se lembrassem de suas vidas anteriores? Fundamentalmente, as razões pelas quais as pessoas não se lembram de suas vidas passadas ou de seus sonhos são as mesma. Para entender completamente esta situação, vamos recapitular alguns detalhes de anatomia sutil, quer dizer, o conhecimento dos corpos sutis que constituem a totalidade de um ser humano.
1) todo o mundo está familiarizado com o corpo físico o que os cirurgiões podem abrir e podem cortar. Este é feito dos nutrientes que nós comemos, a tradição Vedantica chamou-o de anna-maya-kosa , o envelope- feito-de-comida.
2) além do corpo físico, existe o corpo etérico, feito de energia vital que é chamada de Qi na medicina tradicional chinesa, e de prana na literatura Sanscrita. Conseqüentemente, o nome prana-maya-kosa , significa envelope-feito-de-prana, dado a esta camada em Vedanta. Da mesma maneira que a água penetra uma esponja, assim o envelope de prana, ou corpo etérico, penetra o corpo físico por inteiro, e também se estende um pouco além dos limites deste.
Uma vez que você esteja vivo, seu corpo físico e etérico nunca se separam. Então, podemos considerar a ambos como uma estrutura individualizada, que para nosso propósito será chamado de complexo inferior.
3) além dos corpos físico e etérico, está o corpo astral, camada de manas/mente, ou mente reacional, na qual as emoções e a maioria de nossos pensamentos acontece. Como foi discutido anteriormente, as samskaras repousam no corpo astral.
4) o Ego está no centro de todos os outros corpos. Em uma fase mais adiante, quando lidando com processos alquímicos mais avançados, eu farei distinções claras entre Ego, Self e Espírito. Mas no contexto deste livro, estas distinções não teriam qualquer uso prático. Assim, podemos considerar as palavras Ego, (ou Ego Superior), Self (ou Eu Superior) e Espírito como sinônimos e se referindo à chama imortal que é o núcleo dos seres humanos.
É importante notar que o corpo astral e o Ego estão muito juntos. Pode-se até dizer que o Ego está enroscado na rede do corpo astral. Por isso que, quando você fecha seus olhos, a menos que você tenha passado por um caminho de auto-transformação, você não pode separar o que, em sua consciência, vem da mente e o que pertence ao Self. Você pode saber intelectualmente que você tem um Eu Superior, e que este Self é o pano de fundo de sua consciência, como uma tela branca na qual vários filmes são projetados. Mas na prática, o Self é escondido pela mente reacional, de forma que é impossível para você conectar diretamente com sua luz. Então, o primeiro propósito de um caminho espiritual é separar o Self do corpo astral.
Até que isto aconteça, citando uma analogia freqüentemente achada na literatura sanscrita, os dois permanecem misturados como leite e água no mesmo copo. O corpo astral e o Ego estão amarrados juntos. Por conseguinte, nós podemos simplificar nossa estrutura de quatro pavimentos dividindo-a em dois:
um complexo superior, feito do corpo astral e do Ego, e que não se separam contanto que você não tenha achado seu Self;
um complexo inferior, feito dos corpos físico e etérico, e que não separam uma vez que você esteja vivo.