Make your own free website on Tripod.com

Tony Costa
Judas Kariot

Home

DEUS
Misticismo
GNOSE
Judas Kariot
Meishu-Sama
Banda Desejo de Mulher
Fraternidade Branca
Vocabulário das Palavras Mayas
Assessoria Para Políticos
Viagem Astral
Autoconhecimento
Vidas Passadas
Regressão
Meus Amigos

Sobre o Mestre Judas de Kariot

Judas de Kariot, conhecido também como Judas Iscariote, é um dos mais exaltados Mestres da Sagrada Loja Branca. Sempre foi mal compreendido pela humanidade, que com consciência adormecida, não foi capaz de entender mais além do que os escribas escreveram.

Em entrevista, o V.M. Rabolú diz textualmente:

"Através das seitas religiosas, ou crenças, sempre se teve Judas como um elemento perverso, daninho, mau. E, em realidade, ante as hierarquias cósmicas ( e sou testemunha disso), o que tocou aos Apóstolos, foi um drama cósmico, para nos dar um Ensinamento Vivo, do que tínhamos que realizar cada um de nós. Em realidade, de todos os Apóstolos do Mestre Jesus, o mais adiantado, ou não digamos adiantado, senão o de categoria superior, foi Judas, a quem tocou representar o papel mais terrível. Recordo quando o Mestre Jesus obrigou, destinou Judas para representar esse papel e Judas não se sentia com capacidade de fazê-lo. Então ante o Mestre Jesus, e chorando lhe disse que não lhe permitisse representar esse papel, porque ele não se sentia capacitado. Porém Jesus lhe disse: " Tu terás que fazê-lo. Tu és o único preparado para isso!"

Judas está agora nos mundos infernos cumprindo uma missão. Assim como Jesus renunciou ao Absoluto, por amor a nós, assim também Judas renunciou à Felicidade absoluta e está no abismo, trabalhando na obra do Pai, cumprindo sua missão ali, até que se libere a última chispa desta criação. Dali Judas saltará até o Absoluto, como Jesus, porque são dois Ressaltados em sabedoria.

A mim me assombrou muito quando baixei ao abismo com o Mestre Samael; já faz muitos anos. Baixamos e chegamos até onde estava Judas. Vimos que era de uma luz resplandecente, que iluminava tudo ao redor. Seus discípulos recebiam dele muitos Ensinamentos. Porém, ensinamentos que se dizem verdadeiramente esotéricos.

Ele luta por tirar almas do abismo, para que aqui (no mundo físico) se revolucionem. Este é um trabalho dos mais sérios e difíceis que vi. Em realidade eu não sou capaz de realizar uma coisa como essa. Não obstante, Judas a está cumprindo.

Ele é um Ser, apesar de, toda palavra que pronunciam aqui os religiosos e os crentes contra ele, ele a sente. Tudo isso o sente lá; as frases ferinas, como quando uma pessoa atraiçoa a outra e a chamam de Judas. Ele sente aquilo. Sente-o em carne viva. Vejam, toda a humanidade falando dele, porque se desconhece realmente sua elevada hierarquia!

Agora, bem, há um livro que veio do exterior, não sei de que País. Enviaram-no a um amigo meu. Nesse livro relata um jornalista tudo o referente a Judas, ditado pelo Próprio Judas (livro O Vôo da Serpente Emplumada). Este apareceu ao jornalista, porém sem dizer que ele era Judas. Não quis dizer seu nome. O relato contém um grande ensinamento. Este livro vamos tirar à Luz. Vamos editá-lo. Então o discipulado gnóstico terá a oportunidade de apreciar verdadeiramente a categoria do Mestre Judas."

Mais adiante ainda acrescenta:

"Bem, não me recordo do relato... Eu li o livro. Ele apareceu momentaneamente a um jornalista e se fizeram amigos. Judas não lhe quis dar seu nome. Porém sempre que o jornalista estava em apuros, Ele lhe servia. Durante um tempo, muito regular, esteve lhe aparecendo, porém, em carne e osso. Estou falando de uma realidade concreta, não uma aparição fantasmal. É um relato muito bonito que fez o jornalista.

O Jornalista não é um gnóstico nem um esoterista, porém teve o privilégio de se entrevistar com Ele, e narra, ali, todos os serviços que recebeu. Este escrito, contém uma relação muito exata. Eu não conheço o jornalista que o escreveu; porém, sim, conheço a história já viva de Judas, e creio, pois que o Mestre narrou a mesma coisa que conheço, o que esquadrinhamos o Mestre Samael e eu. Comparando a investigação esotérica com esse livro, encontramos que é exata. Ou seja, não há nenhuma diferença." (Palavras do Mestre Rabolú, extraídas do livro: Ciência Gnóstica).